Vitrine da Literatura Paraense 2018 (parte 1)

Vamos conhecer novas obras?

Rudá Frias

20181011_172607

https://www.instagram.com/rudsfrias/

https://cronicasecronicas.wordpress.com/

A CASA DO TELHADO AZUL

Todos os dias, um garoto passa em frente a uma casa de telhados azuis que o chama muita atenção, mas não entende ao certo o motivo. Por que se sente tão atraído pela casa? O que houve de especial naquele lugar que o garoto não consegue lembrar?

Ruídos da Mata Densa

Ele está perdido. Não se lembra como chegou ali. A floresta parece não ter fim e a mata fica mais densa ao longo do tempo. O sol está se pondo… o que ele irá fazer?

Invisibilidades Urbanas

Este livro traz uma crônica sobre nossas ações cotidianas. Uma reflexão sobre o que fazemos, o que escolhemos observar e de que forma também somos observados na caótica vida urbana.

A CURTA HISTÓRIA DO GATO BRANCO

Um gato branco surge misteriosamente na varanda do apartamento de um homem. Parece não sentir sede nem fome. De onde ele veio? Por que está lá? De que forma a vida do morador daquele apartamento vai ser afetada com a presença do gato?

Claudia Vidal

42711634_496663260800931_7950188209554587648_n.jpg

https://www.instagram.com/literartela/

https://www.facebook.com/ClaudiaVFVidal

Cacau Pelo Mundo: Diário de uma Viagem à Disney

Este livro é um diário de viagem. O que você lerá aqui não foi originalmente escrito para ser publicado. São anotações que eu fazia ao fim do dia, recapitulando as principais atividades realizadas, algumas opiniões e pensamentos aleatórios. Nele conto sobre uma viagem que fiz À Disney em companhia de meus filhos e meu marido (na época ainda estávamos casados) durante 12 dias em agosto de 2012.
Dizem que para conhecer bem como alguém pensa é preciso viajar com esta pessoa. Assim sendo, seja muito bem-vindo(a) a minha cabeça!

Cacau Pelo Mundo: Diário de uma Viagem a Buenos Aires

Este livro é um diário de viagem. O que você lerá a seguir não foi escrito pensando em um público, é a transcrição de um diário pessoal. Nestas páginas você lerá a recapitulação de uma viagem de 8 dias a Buenos Aires que realizei em julho de 2017 em companhia de meus três filhos.
Dizem que para conhecer como alguém pensa é preciso viajar com esta pessoa. Assim sendo, seja bem-vindo(a) a minha cabeça!

Cacau Pelo Mundo: Diário de uma Viagem à Escócia e à Inglaterra

Este livro é um diário de viagem. O que você lerá aqui foi originalmente publicado em um blog fechado (apenas disponível para convidados) que foi excluído tão logo a viagem foi concluída. Nele, eu conto minhas andanças de duas semanas em agosto de 2013 pela Escócia e a Inglaterra. Foi o presente que me dei de aniversário de 36 anos.
Dizem que para conhecer bem como alguém pensa é preciso viajar com esta pessoa. Assim sendo, seja bem-vindo a minha cabeça!

Saulo Sisnando

26239403_10212127872885634_5832645337915150348_n.jpg

https://www.instagram.com/saulosisnando/

https://www.instagram.com/teatrodeapartamento/

Para você que não sei onde está, mas ainda sei quem é

Neste emocionante e cômico monólogo, o dramaturgo brasileiro Saulo Sisnando nos apresenta história de uma mulher sem nome que, após anos trancada dentro de um antigo casarão, recebe a visita há tanto desejada: seu grande amor. Enquanto lembranças, amarguras, mágoas e frustrações são destiladas na sala de sua casa, o resto do mundo pouco se importa com suas frustrações particulares, apreciando um eclipse solar capaz de modificar a nossa forma de amar e ser feliz.

Desertos: Dois homens. Dois destinos. Um amor

Dois desconhecidos encontram-se numa movimentada estação de metrô carioca. Compartilhando as lembranças, os sonhos e a paixão por livros, eles rompem as barreiras do preconceito e vivem uma paixão que mudará para sempre suas vidas.
Um deles veio do Nordeste com o desejo de enviar dinheiro para a família distante e o outro veio do Sul com o sonho de se tornar ator. Ambos, solitários. Ambos, desertos. Um não tem amigos. O outro ainda divide o apartamento com a ex-companheira com quem não conversa mais. Mesmo neste clima inóspito, os dois homens driblam o destino e constroem uma amizade que os alimentará de amor e preencherá de paixão seus corações desertos.
(O texto é uma dramaturgia)

A Reinvenção do Amor

O que você faria se tivesse a chance de viajar no tempo e rever sua última história de amor? E se, nesse momento, você descobrisse que, desmentindo suas recordações, o seu ex-amor não foi realmente como você imaginou? Será que, com o passar do tempo, você não descartou as péssimas lembranças, as brigas, os pais possessivos, as mães loucas, os atrasos constantes, o ciúme doentio e se concentrou apenas nos pontos positivos?
Nesta dramaturgia de sucesso, o diretor e dramaturgo Saulo A. Sisnando mergulha nas mentiras que contamos a nós mesmos e nos presenteia com a história de um escritor – que só queria amar para sempre – e sua namorada inconstante – que não amava o amor, mas as paixões efêmeras.
“A reinvenção do amor” é um convite a enfrentar as lembranças e descobrir que, com o passar dos anos, tudo fica mais colorido do que o que realmente era. Esta peça – narrada como um sonho – é um mergulho em memórias fragmentadas e retalhos de vida que não necessariamente foram vividos. Mas são lembrados.

Giuliana Murakami

46390624_1970269893061751_3747911624971780096_n.jpg

https://www.facebook.com/giulianamurakamiwriter/

Além da Tela: Antologia de Contos

Além da Tela reúne oito contos dos mais variados enredos e reflexões. Escritos em épocas distintas, há um toque de realismo contista que enlaça o leitor em suas aventuras cotidianas levando-os a viver situações semelhantes as quais as personagens passam.

Fábio de Andrade

26001266_1654113088010300_2752658445410012452_n.jpg

https://www.facebook.com/fabiodeandrad

Um Estudo em Violeta

O palácio de Santa Acácia foi palco do brutal assassinato da pequena Jasmim Gutierrez Fonseca, intrigando os convidados e a policia ao descobrirem que na cena do crime as únicas pistas encontradas foram violetas no lugar dos olhos da pobre criança.

Descubra nesse fabuloso conto de Fábio de Andrade até onde a frieza e o ódio podem levar o ser humano.

Antonio Pimenta

IMG-20180821-WA0063_3.jpg

https://www.instagram.com/antoniopimenta86/

As Crônicas de Ashera

É um período de incertezas para os Felinos do Reino de Ashera.
O atual governante agoniza em sua cama devido a uma doença misteriosa.
As fronteiras do reino são atacadas por um povo bárbaro e selvagem.
No Palácio-Mor, boatos espalham o medo por toda a parte.
Nas patinhas da jovem Princesa Minka, herdeira do trono, está depositada toda a esperança do reino.
Começa assim um capítulo sombrio da história dos Felinos de Ashera.

Simbad e o Leão de Jade: Novas Aventuras das 1001 Noites

“O leão rugiu furioso com o ataque e o som reverberou as paredes altas e fez tremer inclusive o chão. Todos os esqueletos estavam inertes, mas ao som do rugido, levantaram.”

Dizem que o Leão de Jade é capaz de responder qualquer questionamento. Será que Simbad está preparado encontrar a resposta que tanto procurou?

O Jantar Especial de Rita

Rita trabalhava no Ver-o-Peso. Cozinhava com a cara no calor do fogão. Havia aprendido com a avó a temperar bem o peixe ou a carne e transformar tudo o que a floresta fosse capaz de oferecer em tempero saboroso. Era casada, na igreja, tinha foto para provar.
Seu marido se chamava Odeusmar. Enquanto a esposa suava para colocar comida em casa, ele suava com suas amantes. Eram sete ao todo, se a semana tivesse mais um dia, seriam oito. Rita não entendia como um marido que tinha “Deus” no nome e poderia ser assim.

Monstros à solta!

O que acontece quando um grupo de monstros tenta assustar uma garotinha?

Quatro Patas e um Coração

“O cãozinho nasceu na rua. Ainda filhote observava outros cães passeando nas calçadas. Cada um com um cordão que o ligava ao seu dono e amigo.
Ele não tinha um cordão. Não estava ligado a ninguém e não tinha amigos. Isso o deixava muito triste. Muitas vezes chorou, sem que tivesse alguém para enxugar as suas lágrimas.”

eu amo literatura paraense.jpg

Lembre-se de que para o seu livro fazer sucesso, é importante saber valorizar o trabalho de outros escritores. Leia, compartilhe, avalie e repasse todo o seu apoio a quem se dedica a tarefa de contar histórias e compartilhar experiências.

Até a próxima!

Anúncios

Um comentário em “Vitrine da Literatura Paraense 2018 (parte 1)

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: