Marciano?

O Universo é uma imensidão sem fim. Entendo que minha última carta deve ter se perdido por entre as estrelas. Sei que Marte não é tão distante assim, as vezes penso que a distância maior é quando nos beijamos através dos nossos capacetes. Imagino como seria se nossas bocas pudessem realmente se tocar. Sem capacetes,... Continuar Lendo →

Anúncios

Mãos Dadas por Carlos Drummond de Adrade

Mãos Dadas Não serei o poeta de um mundo caduco. Também não cantarei o mundo futuro. Estou preso à vida e olho meus companheiros Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças. Entre eles, considere a enorme realidade. O presente é tão grande, não nos afastemos. Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas. Não serei o... Continuar Lendo →

O Músico de Klatschstrasse

Numa tarde, na sileciosa Klastchstrasse, dedos caiam como barras de ferro em uma superfície branca. Tons em desarmonia ecoavam no apartamento. O professor de música apesar de tentar ir a outro lugar com seus olhos, estava preso pelos ouvidos. Parecia que Frau Greta pregava um caixão e não as teclas de um piano. Como pode... Continuar Lendo →

Como fui selecionado no Pottermore?

O site Pottermore disponibiliza alguns testes como: Casa de Hogwarts, Casa de Ilvermorny, Varinha e Patrono. Realizei todos e compartilho com vocês os resultados: (Algumas telas traduzi para o Português para facilitar a compreensão de vocês) “Quem sabe é na Lufa-Lufa que você vai morar, Onde seus moradores são justos e leais Pacientes, sinceros, sem... Continuar Lendo →

Precisamos falar sobre o seu like!

Existe melhor sensação do que entrar em uma rede social e ver que você receber bons likes ou corações por algo que você postou? -Existe! Desde muito antes de começar a produzir conteúdo para a internet, já entendia a importância de prestigiar o trabalho das pessoas. Quando você escreve e grava uma música, por exemplo,... Continuar Lendo →

11:31

11:01 A tela do celular brilhou. Um sorriso veio ao lábios, mas se desfez ao vez que era uma mensagem de outra pessoa. 11:14 Estava escuro o bastante, o sono vinha rápido assim. Quem dorme a essa hora? Ninguém! Iria aguenta mais, não poderia dormir sem receber a mensagem. 11:17 Olhou a hora. Parecia que... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑